O ex-ministro da Indústria e Comércio Roberto Gusmão morreu ontem (17), em São Paulo, aos 96 anos, de causas naturais. Mineiro de Belo Horizonte, Gusmão foi ministro de 1985 a 1986.

Foi suplente de vereador na Câmara dos Vereadores de São Paulo, e chegou a exercer o mandato em 1965, na ausência do titular, vereador Odon Pereira. Tornou-se membro do diretório estadual do PTB e foi cassado pelo Ato Institucional n°2, em 1965, quando exercia o cargo de procurador da Justiça do Trabalho no Tribunal Regional do Trabalho, em São Paulo.

Em março de 1966, foi um dos fundadores do Partido do Movimento Democrático Brasileiro, hoje MDB. Foi um dos principais articuladores da candidatura presidencial de Tancredo Neves no Colégio Eleitoral e, em janeiro de 1985, assumiu o Ministério da Indústria e do Comércio (MIC).

 

 

Edição: Fernando Fraga

Mais:   Polícia investiga mortes durante operação no Complexo da Maré

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *